Palmeiras

Palmeiras x Atlético-MG: Informações, estatísticas e curiosidades

O Palmeiras pode chegar à semifinal da Libertadores pela 10ª vez em sua história, igualando o recorde brasileiro que pertence a São Paulo e Grêmio. De 2018 a 2022, o Verdã...

Por Redação

há 1 mês


Palmeiras x Atlético-MG: Informações, estatísticas e curiosidades


O Palmeiras pode chegar à semifinal da Libertadores pela 10ª vez em sua história, igualando o recorde brasileiro que pertence a São Paulo e Grêmio. De 2018 a 2022, o Verdão se tornou o primeiro clube brasileiro a disputar as quartas de final por cinco edições consecutivas, alcançando a antepenúltima fase do torneio três vezes (2018, 2020 e 2021) e podendo chegar a quatro em 2022.

O Palmeiras busca a 10ª classificação seguida em mata-mata de Libertadores – deixou seus adversários para trás nas oitavas, quartas, semi e final de 2020; oitavas, quartas, semi e final de 2021; e oitavas de 2022. No total, o Verdão já disputou 43 confrontos eliminatórios na história da competição, levando a melhor em 29 e sendo eliminado ou ficando com o vice 14 vezes.

 O Palmeiras pode carimbar a 10ª passagem de fase em mata-mata de Libertadores atuando no Allianz Parque – o Verdão já disputou 11 jogos eliminatórios na arena e levou a melhor em nove, incluindo as últimas sete (desde 2019). Considerando todos os duelos eliminatórios realizados no Allianz Parque, independentemente da competição, o Palmeiras teve resultado positivo em 28 de 35.

 O Palmeiras está a um passo de registrar a maior série invicta da história da Libertadores. Com 17 jogos sem perder, o Verdão busca igualar o recorde do Atlético-MG, que emendou 18 partidas de invencibilidade entre 2019 e 2022.

 Além do vigente recorde de invencibilidade como visitante (20 jogos consecutivos – 22 considerando os campos neutros das finais de 2020 e 2021), o Palmeiras é o recordista geral de invencibilidade como mandante (34 jogos consecutivos entre 1979 a 2005), de vitórias em sequência (nove, entre 2021 a 2022) e o dono da melhor campanha em uma fase de grupos da Libertadores (100% de aproveitamento e 25 gols marcados em 2022). O Verdão aparece ainda na primeira posição entre de todos os clubes do continente em aproveitamento de vitórias (57%, ao lado do Cruzeiro) e em média de gols marcados (1,94 por jogo, ao lado do Flamengo) em toda a história.

 Entre os clubes brasileiros, o Palmeiras domina as principais estatísticas da história da Libertadores: mais vezes campeão (três títulos), mais finais disputadas (seis), mais edições disputadas (22), mais edições disputadas consecutivamente (7), mais jogos (219), mais vitórias (125), mais vitórias como mandante (75), mais vitórias como visitante (48), mais vitórias fora do Brasil (44), mais gols (427), mais gols como mandante (251), mais gols como visitante (173) e mais gols fora do Brasil (145).

 O Palmeiras já atingiu em 2022 o seu recorde de gols marcados em uma única edição de Libertadores, com 35 bolas na rede, superando as 33 de 2020. Em termos defensivos, o desempenho atual também é recorde: cinco gols sofridos, marca registrada apenas em 1961 (seis jogos), 1974 (seis jogos) e 2019 (dez jogos).

O Palmeiras está próximo de estabelecer a sua maior série invicta jogando no Brasil pela Libertadores. Atualmente com 11 jogos sem perder neste cenário (sete vitórias e quatro empates), o Verdão já igualou o recorde alcançado entre 1961 (quando estreou no país pela competição continental) e 1968.

Não perde para equipes do Brasil na Libertadores há sete partidas: vitória contra o Santos (final de 2020), empate e vitória contra o São Paulo (quartas de final de 2021), dois empates com o Atlético-MG (semifinal de 2021), vitória contra o Flamengo (final de 2021) e novo empate com o Atlético-MG (quartas de final de 2022).

O Palmeiras venceu os últimos quatro confrontos de mata-mata contra times brasileiros na Libertadores: Santos (final de 2020), São Paulo (quartas de 2021), Atlético-MG (semi de 2021) e Flamengo (final de 2021). No total, o Verdão já teve 17 embates, em fase eliminatória contra compatriotas na competição continental, levando a melhor em 11 oportunidades.

Venceu quatro dos cinco confrontos eliminatórios com o Atlético-MG ao longo da história: levou a melhor nas oitavas da Copa do Brasil de 1996, na semifinal da Copa Mercosul de 2000, nas quartas da Copa Sul-Americana de 2010 e na semifinal da Libertadores de 2021; só foi superado nas oitavas da Copa do Brasil de 2014.

O Palmeiras perdeu só cinco vezes nos últimos 59 jogos, sendo 41 vitórias e 13 empates. Como mandante, nos últimos 29 jogos, são 24 vitórias, três empates e duas derrotas neste período.

 Considerando o desempenho na temporada de todos os times que disputam a Série A do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras tem o melhor aproveitamento de pontos (78,21%, seguido pelo Fluminense, com 70,59%), o melhor ataque (média de 2,06 gols por partida, seguido pelo Flamengo, com 1,88) e a melhor defesa (média de 0,62 por partida, seguido pelo Ceará, com 0,66).

 A temporada 2022 aparece como a mais vitoriosa, a mais goleadora e a segunda menos vazada da história do Palmeiras dentro do Allianz Parque, com 86% de aproveitamento (20 triunfos, dois empates e duas derrotas em 24 jogos), 56 gols marcados (média de 2,33 gols por partida) e 14 gols sofridos (média de 0,58 gol por jogo).

O Palmeiras da temporada 2022 tem a quarta melhor defesa da história do clube (média de 0,62 gol por jogo, atrás de 1989, com 0,60, 1973, com 0,56, e 1972, com 0,54), o terceiro menor percentual de derrota (8%, atrás de 1972, com 6%, e 1930, com 5%) e o melhor aproveitamento de vitórias desde 1942 (71%).

 Desde a estreia contra o Red Bull Bragantino, em novembro de 2020, justamente em um duelo eliminatório, a comissão técnica portuguesa soma 29 confrontos de mata-mata, com o Verdão saindo campeão, ou classificado em 21 oportunidades e sendo eliminado ou vice-campeão em oito.

 Abel Ferreira tem um histórico quase perfeito em partidas de volta disputadas no Allianz Parque. No total, foram 13 embates, com 11 classificações ou títulos e dois reveses.

HISTÓRICO DO CONFRONTO

ÚLTIMO REVÉS DO PALMEIRAS PARA ATLÉTICO-MG COMO MANDANTE ACONTECEU EM 2016

O Palmeiras não perde para o Atlético-MG como mandante desde 2016, quando foi superado pelo rival no Campeonato Brasileiro. Desde então, foram sete jogos neste cenário (todos no Allianz Parque), com duas vitórias e cinco empates. Destes, seis jogos foram pelo Brasileiro (duas vitórias e quatro empates), enquanto o outro ocorreu pela semifinal da Libertadores de 2021 (empate sem gols).

PALMEIRAS VENCEU QUATRO DOS CINCO DUELOS ELIMINATÓRIOS COM ATLÉTICO-MG

> O Verdão saiu vencedor em quatro dos cinco duelos eliminatórios disputados contra o Atlético-MG ao longo da história: levou a melhor em 1996 (oitavas de final da Copa do Brasil), 2000 (semifinal da Copa Mercosul), 2010 (quartas da Copa Sul-Americana) e 2021 (semifinal da Libertadores) e foi superado em 2014 (oitavas da Copa do Brasil).

– Retrospecto geral contra o Atlético-MG: 89 jogos, 39 vitórias, 21 empates, 29 derrotas, 119 gols marcados e 101 gols sofridos

– Primeiro jogo: 27/04/1938 – Palestra Italia 2×0 Atlético-MG (gols de Barrilote, duas vezes) – Estádio Palestra Italia (São Paulo-SP) – Amistoso

– Último jogo: 03/08/2022 – Atlético-MG 2×2 Palmeiras (gols de Murilo e Danilo) – Mineirão (Belo Horizonte-MG) – Libertadores

Na ocasião, o técnico Abel Ferreira mandou a campo: Weverton; Marcos Rocha (Mayke, aos 37’/2ºT), Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga (Gabriel Menino, aos 23’/2ºT); Dudu, Gustavo Scarpa e López (Rafael Navarro, aos 36’/2ºT)

– Última vitória: 02/11/2020 – Palmeiras 3×0 Atlético-MG (gols de Raphael Veiga, Rony e Wesley) – Allianz Parque (São Paulo-SP) – Campeonato Brasileiro

– Maior sequência invicta do Palmeiras: oito jogos (de 17/11/2016 a 02/11/2020)

– Maior série de vitórias: sete jogos, para ambos os lados (a série de triunfos do Verdão foi imposta entre 03/04/1996 e 26/08/1998)

– Maior goleada: Palmeiras, 5×0, em 16/04/1996 (gols de Rivaldo, duas vezes, Cléber, Müller e Cafu) – Palestra Italia (São Paulo-SP) – Copa do Brasil

– Jogador com mais jogos: Dudu (12)

– Jogador do atual elenco com mais jogos: Dudu (12)

– Jogador com mais gols: César Maluco (4)

– Jogadores do atual elenco com mais gols: Dudu e Wesley (2)

– Técnico com mais jogos: Luiz Felipe Scolari (6)

– Retrospecto contra o Atlético-MG como mandante: 40 jogos, 22 vitórias, 8 empates, 10 derrotas, 51 gols marcados e 58 gols sofridos

Último jogo: 05/06/2022 – Palmeiras 0x0 Atlético-MG – Allianz Parque (São Paulo-SP) – Campeonato Brasileiro

 Última vitória: 02/11/2020 – Palmeiras 3×0 Atlético-MG (gols de Raphael Veiga, Rony e Wesley) – Allianz Parque (São Paulo-SP) – Campeonato Brasileiro

– Retrospecto contra o Atlético-MG no Palestra/Allianz Parque: 28 jogos, 16 vitórias, 8 empates, 4 derrotas, 47 gols marcados e 27 gols sofridos

– Retrospecto contra o Atlético-MG no Allianz Parque: 9 jogos, 2 vitórias, 6 empates, 1 derrota, 11 gols marcados e 8 gols sofridos.

Pré-jogo: Palmeiras x Atlético-MG l CONMEBOL Libertadores (quartas de final, jogo de volta)
Data e hora: 10/08/2022 l 21h30
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Transmissão: ESPN
Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)
Pendurados: não há
Suspensos: não há
Outras noticias do Palmeiras

  Palmeiras reage e empata com Atlético Mineiro no 1º jogo das quartas de final da Libertadores